PROGRAMAÇÃO

ESPETÁCULOS, PERFORMANCES E INTERVENÇÕES URBANAS

13 de agosto

ESPETÁCULO: O AMARGO SANTO DA PURIFICAÇÃO (Este projeto foi contemplado pelo Edital Circuito Funarte Cena Pública)

O Amargo Santo da Purificação é uma visão alegórica e barroca da vida, paixão e morte do revolucionário Carlos Marighella. Marighella viveu e morreu durante períodos críticos da história contemporânea do Brasil, sendo protagonista na luta contra as ditaduras do Estado Novo e do Regime Militar.

 

GRUPO: TRIBO DE ATUADORES OI NÓIS AQUI TRAVEIZ

HORÁRIO: 14h

LOCAL: PRAÇA DO SOL (PARQUE MUNICIPAL)

CLASSIFICAÇÃO INDICATIVA: LIVRE

DURAÇÃO: 90 MIN.

FOTO: Claudio Etges

14 de agosto

ESPETÁCULO: O AMARGO SANTO DA PURIFICAÇÃO (Este projeto foi contemplado pelo Edital Circuito Funarte Cena Pública)

O Amargo Santo da Purificação é uma visão alegórica e barroca da vida, paixão e morte do revolucionário Carlos Marighella. Marighella viveu e morreu durante períodos críticos da história contemporânea do Brasil, sendo protagonista na luta contra as ditaduras do Estado Novo e do Regime Militar.

 

GRUPO: TRIBO DE ATUADORES OI NÓIS AQUI TRAVEIZ

HORÁRIO: 14h

LOCAL: PRAÇA DO SOL (PARQUE MUNICIPAL)

CLASSIFICAÇÃO INDICATIVA: LIVRE

DURAÇÃO: 90 MIN.

FOTO: Claudio Etges

15 de agosto

PERFORMANCE: ONDE? AÇÃO Nº 2 (Este projeto foi contemplado pelo Edital Circuito Funarte Cena Pública)

A performance Onde? Ação nº2 de forma poética provoca reflexões sobre o nosso passado recente e as feridas ainda abertas pela ditadura militar. A ação performática se soma ao movimento de milhares de brasileiros que exigem que o Governo Federal proceda a investigação sobre o paradeiro das vítimas desaparecidas durante o regime militar, identifique e entregue os restos mortais aos seus familiares e aplique as punições aos responsáveis.

 

GRUPO: TRIBO DE ATUADORES OI NÓIS AQUI TRAVEIZ

HORÁRIO: 12h

LOCAL: PRAÇA DA RODOVIÁRIA

CLASSIFICAÇÃO INDICATIVA: LIVRE

DURAÇÃO: 40 MIN.

FOTO: Pedro Rosauro

19 de agosto

PERFORMANCE: PÉGASUS

 

Performance sobre a relação entre gênero e genitália, corpo e objeto, ação e submissão, em que a artista estabelece um jogo erótico com uma sela de cavalo.

PERFORMER: ANA LUISA SANTOS

HORÁRIO: 19h

LOCAL: ZAP 18

CLASSIFICAÇÃO INDICATIVA: 18 ANOS

DURAÇÃO: 60 MIN.

FOTO: Fernanda Branco

20 de agosto

ESPETÁCULO: IGNORÂNCIA

 

Dois atores constroem diversas situações em meio a trinta cadeiras. Cenas irônicas, cômicas e dramáticas propõem diferentes pontos de vista sobre a ignorância humana e sobre vícios contemporâneos como a sociologia do julgamento, a intolerância e a cultura do medo, incitando o espectador a uma postura crítica e ativa.

 

GRUPO: QUATROLOSCINCO TEATRO DO COMUM

HORÁRIO: 21h (SÁBADO) e 19h (DOMINGO)

LOCAL: GALPÃO CINE HORTO

CLASSIFICAÇÃO INDICATIVA: 12 ANOS

DURAÇÃO: 65 MIN.

FOTO: Guto Muniz

21 de agosto

ESPETÁCULO: IGNORÂNCIA

 

Dois atores constroem diversas situações em meio a trinta cadeiras. Cenas irônicas, cômicas e dramáticas propõem diferentes pontos de vista sobre a ignorância humana e sobre vícios contemporâneos como a sociologia do julgamento, a intolerância e a cultura do medo, incitando o espectador a uma postura crítica e ativa.

 

GRUPO: QUATROLOSCINCO TEATRO DO COMUM

HORÁRIO: 21h (SÁBADO) e 19h (DOMINGO)

LOCAL: GALPÃO CINE HORTO

CLASSIFICAÇÃO INDICATIVA: 12 ANOS

DURAÇÃO: 65 MIN.

FOTO: Guto Muniz

21 de agosto

ESPETÁCULO: MARIA FARRAR

 

Inspirado em “A Infanticida Marie Farrar” de Brecht, o espetáculo faz uma aproximação do poema do século passado com os nossos tempos, mostrando a atualidade da obra autor e de temas, como a violência contra mulheres, crianças e adolescentes, a cultura do estupro, a legalização do aborto através de pontos de vista variados e repletos de senso comum, buscando ressaltar a contraditória sociedade em que vivemos.

 

TCC BACHARELADO DOMINIQUE MACBÉ

HORÁRIO: 19h

LOCAL: TEATRO RAUL BELÉM MACHADO

CLASSIFICAÇÃO INDICATIVA: 14 ANOS

DURAÇÃO: 45 MIN.

FOTO: Joana Rochael

22 de agosto

PERFORMANCE: SÉRIE BANQUETE

 

Aceita uma conversa? E um café? É com esse convite que a performer inicia a ação. Oferece a quem se aproxima o café, a palavra e os ouvidos. Conta uns pedaços da sua vida, de violências sentidas e sofridas por ser mulher. Ouve também. E a cada conversa vai compondo um varal, com impressões, relatos, acontecimentos.

 

PERFORMER: LUCIANA CEZÁRIO

HORÁRIO: 16h

LOCAL: PRAÇA DA RODOVIÁRIA

CLASSIFICAÇÃO INDICATIVA: LIVRE

DURAÇÃO: 3 HORAS EM MÉDIA

FOTO: Arquivo Fora do Eixo

23 de agosto

PERFORMANCE: JÁ BRINCOU DE BONECA?

 

“Já brincou de boneca” propõe uma experiência cênico emocional a um espectador por vez. Teatro e performance, realidade e ficção friccionam-se no intuito de fazer coro a discussões que estão na ordem do dia como identidade de gênero e afins. Um ponto de encontro e uma deriva junto a um artista como estratégia de resistência. Um manifesto em prol da diversidade!

 

PERFORMER: GABRIEL CASTRO

HORÁRIOS: 15h e 17h

LOCAL DE SAÍDA: ESPAÇO 171

CLASSIFICAÇÃO INDICATIVA: 18 ANOS

DURAÇÃO: 90 MIN.

Obs.: 1 espectador por sessão. Reserva p participação (até 12:00 do dia da apresentação):

31 975470317 ou jabrincoudeboneca@gmail.com

FOTO: Cleo Magalhaes

23 de agosto

PERFORMANCE: INVISIBILIDADE SOCIAL

 

Performance desenvolvida através de observações feitas nas ruas de Belo Horizonte e Salvador. A proposta foi pesquisar o corpo de um homem negro subjugado nas ruas com uma roupa pouco casual para a posição na qual se coloca perante os demais transeuntes da cidade grande.

 

PERFORMER: FELIPE SOARES

HORÁRIO: TARDE

LOCAL: CENTRO DA CIDADE

CLASSIFICAÇÃO INDICATIVA: LIVRE

DURAÇÃO: 90 MIN.

FOTO: Ana Alvarenga

24 de agosto

PERFORMANCE: JÁ BRINCOU DE BONECA?

 

“Já brincou de boneca” propõe uma experiência cênico emocional a um espectador por vez. Teatro e performance, realidade e ficção friccionam-se no intuito de fazer coro a discussões que estão na ordem do dia como identidade de gênero e afins. Um ponto de encontro e uma deriva junto a um artista como estratégia de resistência. Um manifesto em prol da diversidade!

 

PERFORMER: GABRIEL CASTRO

HORÁRIOS: 15h e 17h

LOCAL DE SAÍDA: ESPAÇO 171

CLASSIFICAÇÃO INDICATIVA: 18 ANOS

DURAÇÃO: 90 MIN.

Obs.: 1 espectador por sessão. Reserva p participação (até 12:00 do dia da apresentação): 31 975470317 ou jabrincoudeboneca@gmail.com

FOTO: Cleo Magalhaes

24 de agosto

ESPETÁCULO: NO SOY UN MARICÓN

 

Concebido como “Espetáculo-Festa”, No soy un Maricón é construído em formato de um show, dividido em três “pockets shows” que narram a história de quatro travestis e suas trajetórias em busca da fama. A fábula, claramente ficcional, toca em questões caras para a sociedade contemporânea, enfatizando os direitos humanos e a efetividade da democracia.

 

GRUPO: TODA DESEO

HORÁRIO: 20h

LOCAL: ZAP 18

CLASSIFICAÇÃO INDICATIVA: 14 ANOS

FOTO: Dea Vieira

25 de agosto

PERFORMANCE: JÁ BRINCOU DE BONECA?

 

“Já brincou de boneca” propõe uma experiência cênico emocional a um espectador por vez. Teatro e performance, realidade e ficção friccionam-se no intuito de fazer coro a discussões que estão na ordem do dia como identidade de gênero e afins. Um ponto de encontro e uma deriva junto a um artista como estratégia de resistência. Um manifesto em prol da diversidade!

 

PERFORMER: GABRIEL CASTRO

HORÁRIOS: 15h e 17h

LOCAL DE SAÍDA: ESPAÇO 171

CLASSIFICAÇÃO INDICATIVA: 18 ANOS

DURAÇÃO: 90 MIN.

Obs.: 1 espectador por sessão. Reserva p participação (até 12:00 do dia da apresentação): 31 975470317 ou jabrincoudeboneca@gmail.com

FOTO: Cleo Magalhaes

25 de agosto

ESPETÁCULO: FEITO DE SOM E FÚRIA

 

Feito de Som e Fúria é um eterno embate na vida dos bboys. Levam Som mesmo quando não existe música e têm fúria mesmo quando não estão dançando. Sua dança é de fúria e seu som é movido pela paixão. No cenário urbano aonde nasceram. Encontramos no som e na fúria uma vida dívida entre cair e levantar, lutar ou dançar morrer ou viver sem ter os direitos que a nação deve nos dar. 

 

GRUPO: COLETIVO BREAKING NO ASFALTO

HORÁRIO: 20h

LOCAL: ZAP 18

CLASSIFICAÇÃO INDICATIVA: LIVRE

DURAÇÃO: 50 MIN.

FOTO: Guto Muniz

26 de agosto

ESPETÁCULO: EUCAIO

 

“EuCaio” é um retrato atual da Ditadura Militar inspirado na vida e obra do escritor Caio Fernando Abreu. A criação partiu de uma pesquisa da repressão ao corpo por meio do medo e da violência, em diálogo com acontecimentos recentes, documentos, fatos, músicas, cartas e fragmentos do primeiro livro do jovem escritor, “O inventário do ir-remediável”, finalizado quando viveu com a escritora Hilda Hilst na Casa do Sol, fugindo do DOPS.

 

GRUPO: COLETIVO MUTANTI

HORÁRIO: 20h

LOCAL: ZAP 18

CLASSIFICAÇÃO INDICATIVA: 14 ANOS

DURAÇÃO: 60 MIN.

FOTO: Kiu Meireles

27 de agosto

ESPETÁCULO: CENAS PRETAS

 

Cenas pretas é um conjunto de três cenas curtas com o recorte étnico racial criadas desde 2012. São elas: O que não vaza é pele, Não conte comigo para proliferar mentiras, ROLEZINHO – nome provisório.

 

ARTISTA: ALEXANDRE DE SENA E ARTISTAS CONVIDADOS

HORÁRIO: 20h

LOCAL: ZAP 18

CLASSIFICAÇÃO INDICATIVA: 16 ANOS

DURAÇÃO: 70 MIN.

FOTO: Netun Lima

28 de agosto

ESPETÁCULO: GAVIÃO DE DUAS CABEÇAS

 

O mito do gavião de duas cabeças (um pássaro que devora o espírito indígena, que sobrevive mesmo depois da morte do corpo. Mas se o gavião mata o espírito, esse é esquecido) norteia a montagem do espetáculo Gavião de Duas Cabeças. A partir dessa imagem de morte e genocídio, a peça costura discursos atuais. Os discursos encenados são reais e permeiam a atual realidade política e social brasileira.

 

ARTISTA: ANDREIA DUARTE E JULIANA PAUTILLA

HORÁRIO: 19h

LOCAL: TEATRO RAUL BELÉM MACHADO

CLASSIFICAÇÃO INDICATIVA: 16 ANOS

DURAÇÃO: 60 MIN.

FOTO: Fernanda Procopio